terça-feira, 24 de dezembro de 2013

V. 5 (4) DA ROSA DOS VENTOS JÁ ESTÁ ON LINE

















Já está on line a nova edição da Revista Rosa dos Ventos, no endereço

Confira:

Vol. 5, No 4 (2013)
Revista Rosa dos Ventos
Edição referente ao período out-dez de 2013.

Sumário
Editoria
Susana de Araujo Gastal
Artigos
Ricardo Lanzarini

Elaine Cristina Pinto de Miranda, Mirian Rejowski

Mônica Schneider, Marcia Maria Cappellano dos Santos

Margarita Barretto

Miguel Bahl, Ivana Gaio Murad

Michele Vasconcellos Chiattone, Priscila Vasconcellos Chiattone
Ensaio
Rafael J Santos
Memória
Krisciê Pertile, Kéllen Filippon, Jaciel Gustavo Kunz
Resenhas Críticas
Maximiliano E Korstanje

Mário Carlos Beni

Thiago Allis
Opinião
Eduardo Yázigi


sábado, 21 de dezembro de 2013

BOAS FESTAS!

Os professores do Programa de Pós-Graduação em Turismo, da UCS, fazem suas as palavras de Boas Festas da profe Márcia, na foto com Eurico, Pedro, Maria Luiza, Rosane, Susana, Marlei, Silvio, Suzana e Luciene.


quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

BOLSISTAS DO PPGTUR-UCS APRESENTAM TRABALHO NO Confibercom2014

Laís Alende Prates e Jennifer Bauer Eme, bolsistas voluntárias no Programa de Pós-Graduação em Turismo -  Mestrado, da Universidade de Caxias do Sul,  tiveram trabalho aprovado para apresentação no Confibercom2014,evento que será realizado em abril do próximo ano, em Braga, Portugal. 

Intitulado «Conflitos culturais em narrativas jornalísticas no Sul do Brasil: aspectos históricos e reflexos no Turismo da Serra Gaúcha», a orientação é da Drª Maria Luiza Cardinale Baptista.  A pesquisa de Laís e Jennifer está vinculado ao projeto de pesquisa “Desterritorialização desejante em turismo e comunicação: narrativas especulares e de autopoiese inscriacional”.


Na mesma ocasião e atrelado ao mesmo projeto, a Profª Maria Luiza apresentará o trabalhoCaosmose e Afetiv(Ações) Desterritorializantes  do ‘Acontecimento Comunicacional’ Amoroso”,  com resultados teóricos de sua pesquisa no PPGTur-UCS.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

APROVADOS NO PPGTUR-UCS

Na última semana, aconteceu a seleção para Turma 14 do Programa de Pós-Graduação em Turismo – Mestrado, da Universidade de Caxias do Sul, quando foram aprovados 24 candidatos. Aos novos mestrandos, nossas boas-vindas e votos que tenham uma excelente experiência conosco.
A lista completa dos aprovados;

Rita Gabriela Araujo Carvalho 1
Sara Massotti Bonin 2
Charlene Brum Del Puerto 3
Leticia Carvalho Vivian 4
Tauana Macedo de Paula 5
Sérgio Foletto 6
Cleomar Antonio Zocholini 7
Felipe Decol 8
Gabriella Veridiana Stein 9
Regina Maria Matos Vianna 10
André Pereira Brochado 11
Evelize Zerger 12
Simone Simon 13
Cassiano de Lucena Lahm 14
Caroline da Silva Camargo 15
Lucas Fruet Gil 16
Sabrine Amaral Silva 17
Lizia de Moraes De Zorzi 18
Samantha Marrachinho Toni 19
Marília Gasparini da Silva 20
Letícia Eloisa Bisol 1º Suplente
Deise Mari Pereira Silveira 2º Suplente
Angela Masiero Campos 3º Suplente


Grasiela Rita Docena 4º Suplente


quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

PPGTUR-UCS COM NOTA 4 NA AVALIAÇÂO DA CAPES

Hoje, a área do Turismo e Hospitalidade está em festa. Saiu a avaliação trienal da CAPES, na qual nossos Programa de Mestrado e Doutorado se saíram muito bem. O Programa de Pós-Graduação em Turismo da Universidade de Caxias do Sul, ficou com nota 4.
A coordenadora, Profª Drª Marcia Cappellano dos Santos, distribuiu a seguinte mensagem, registrado a conquista:
Caros colegas: Juntamente com a alegria da conquista do Conceito 4, o dever de registrar o mérito de todos na obtenção desse resultado. Mais importante ainda é a constatação do sentimento compartilhado de equipe, de esforços comuns, de mútua ajuda, características que revestem nosso Mestrado de um clima todo especial. Agora, juntos na busca do Doutorado – e do cinco, é claro! Obrigada a cada um de vocês. Marcia

Também recebemos a mensagem do Prof° Dr° Francisco dos Anjos, presidente da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Turismo:
Caros colegas coordenadores e membros da diretoria da ANPTUR: [...] hoje [recebemos] uma notícia muito importante para nossa área: as notas da trienal. O resultado trouxe um quadro geral de conceito para os programas de Turismo e Hospitalidade muito melhor que a trienal anterior. [...] O resultado desta trienal demonstrou uma elevação de três programas para conceito 4, nenhum descredenciamento e a manutenção dos demais conceitos.
Agora temos um quadro muito  mais forte: três programas conceito 3 (e logo esperamos contar com o da USP), três programas conceito 4 e um programa 5. Isso nos permite prever novos doutorados e mestrados pelo país. O desafio de consolidar os programas profissionais e ampliar os cursos de mestrado e doutorado em Turismo traz nova motivação para a ANPTUR. Temos muito a comemorar!!! Parabéns a todos. Francisco



sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

TARDE TALENTOSA: PPGTUR-UCS PARTICIPA EM PROJETO DE EXTENSÃO

Foi realizada no último sábado, dia 30 de novembro, no Residencial Campos da Serra II, a atividade Tarde Talentosa, resultado de parceria entre os moradores, a Universidade de Caxias do Sul e a Prefeitura Municipal. A atividade fez parte do projeto de extensão universitária Tenda: Como Viver Junto?, que se vincula à pesquisa Artesanato e Turismo: saberes e trocas simbólicas, coordenado pela professora Dra. Luciene Jung de Campos e que conta com a participação de três bolsistas de iniciação científica, graduandos dos cursos de Psicologia e História, e de mestrandos do Programa de Pós-Graduação em Turismo, da Universidade de Caxias do Sul.

A professora Luciene Jung de Campos, juntamente com os mestrandos Paula Carina Silva e Ernani Viana e os bolsistas de iniciação científica Ismael Pereira e Raquel Alquatti, participam do projeto. 

O projeto Tenda: Como Viver Junto? tem como objetivo identificar a ocupação e a tomada de posição do sujeito no discurso enquanto (m)orador do Residencial Campos da Serra II. É oferecido um espaço de simbolização da experiência de convivência para o compartilhamento de diferentes saberes e práticas do cotidiano. Busca-se compreender o processo de construção do coletivo a partir da observação do funcionamento da Tenda: Como Viver Junto?
Segundo a Prof. Luciene: “O projeto parte do pressuposto que o viver-junto vai além das barreiras físicas. As paredes, corredores, escadas, portas e janelas pouco delimitam um território e pouco garantem privacidade. Podemos ouvir, sentir, ver o outro, assim como somos percebidos por aqueles que habitam o espaço comum. O residencial compõe um novo tecido urbano com um vernáculo próprio. Mais que um conjunto de sotaques e expressões, é um idioma que pode ser falado e aprendido. Este tecido urbano merece ser entendido como um grupo que possui costumes, comportamentos, discursos e formas de expressão, característicos. O contato com a sua linguagem permite o surgimento de um espaço onde um novo discurso pode se apresentar. Já que falamos a mesma língua, não precisamos impor a tentação acadêmica de falar por eles. Que falem sobre si mesmos, sobre sua posição, seu espaço e seu lugar”.
Ainda segundo a Professora: “Foram realizados dez encontros, quando tivemos uma participação significativa das crianças. Observamos que as crianças se conheciam, chamavam-se pelo nome e ocupavam intensamente a área comum do residencial. Estão sendo produzidos crescente e coletivamente trabalhos de desenho, colagem e escultura cujo tema perpassa a experiência afetiva compartilhada. Esta atividade estendeu-se na Tarde Talentosa. Os desenhos foram dispostos na forma poética de um grande móbile circular e labiríntico – uma escultura que pôde ser vestida/experimentada/vivida como uma roupa-lugar-recinto-casa. Além do móbile, instaurou-se um espaço-tenda: classes e cadeiras foram arranjadas pelas crianças em uma superfície/suporte onde novas obras foram produzidas em uma região que não se pode querer organizar nem midiatizar. Trata-se de um espaço de circulação de gestos, cores e traços na tentativa de ressignificar o cotidiano”.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

PPGTUR-UCS TEM PRESENÇA CONFIRMADA NO CONGRESSO MUNDIAL DE COMUNICAÇÃO



Caosmose e Afetiv(Ações) Desterritorializantes do ‘Acontecimento Comunicacional’ Amoroso é o tema do trabalho que será apresentado pela Professora do PPGTUR, Maria Luiza Cardinale Baptista, a Malu, no II Congresso Mundial de Comunicação Ibero-americana, que acontece na Universidade do Minho, em Portugal, entre 12 e 15 de abril de 2014. O texto discute teorias que fundamentam a pesquisa que está sendo desenvolvida no Programa, intitulada Desterritorializações Desejantes em Turismo e Comunicação: Narrativas Especulares e de Autopoiese.
No mesmo evento, o PPGTUR terá ainda como representantes as bolsistas voluntárias do projeto da Professora Malu Cardinale, as estudantes Lais Alende Prates e Jennifer Eme Bauer, que tiveram o artigo “Conflitos culturais em narrativas jornalísticas no Sul do Brasil: aspectos históricos e reflexos no Turismo da Serra Gaúcha”, também selecionado. Laís Alende e Jennifer Eme são estudantes do Curso de Jornalismo da UCS.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

PROCESSO SELETIVO PPGTUR-UCS - ÚLTIMOS DIAS PARA INSCRIÇÕES


Estão abertas as inscrições para o processo seletivo ao Programa de Pós-Graduação em Turismo – Mestrado, da Universidade de Caxias do Sul. As inscrições deverão ser efetuadas no período até 9 de dezembro de 2013, na Secretaria do Mestrado em Turismo, no Bloco 46, Campus Universitário de Caxias do Sul, ou via postal por correio expresso (Sedex, Fedex, etc.), desde que postadas até 5 de dezembro de 2013 e enviadas para o Programa de Pós-Graduação em Turismo - Rua Francisco Getúlio Vargas, 1130 - 95070-560 - Caxias do Sul - RS.
Outras informações em:
http://www.ucs.br/site/pos-graduacao/formacao-stricto-sensu/turismo/processo-seletivo/

domingo, 1 de dezembro de 2013

VISITA TÉCNICA A FLORES DA CUNHA





Os alunos e professores da disciplina compartilhada entre o Programa de Pós-Graduação em Turismo (UCS) e Programa de Pós-Graduação em Geografia (UFRGS), realizaram nova visita técnica na última sexta-feira, dia 29. Desta vez, a visita ocorreu em Flores da Cunha, onde o grupo foi recebido na Secretaria de Turismo e, a seguir, realizou visita a duas cantinas. Os professores Antônio Carlos Castrogiovanni e Susana Gastal, com seus alunos, também estiveram na Escola de Gastronomia da UCS.

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

PROFESSORES E ALUNOS DO PPGTUR-UCS REALIZAM VISITA TÉCNICA

Alunos do Programa de Pós-Graduação em Turismo - Mestrado, da Universidade de Caxias do Sul, em visita técnica à Gramado e Canela. Acompanharam os professores Silvio e Suzana, numa jornada de grandes experiências turísticas. Na foto, parada no Parque do Caracol.

sábado, 23 de novembro de 2013

ESPECIALISTA DA UNIVERSIDADE DE VARSOVIA PALESTRA NO PPGTUR-UCS

A Profª Drª Miroslawa Czerny, diretora do Instituto de Estudos Regionais e Globais no Departamento de Geografia e Estudos Regionais da Universidade de Varsóvia, estará ministrando palestra no Mestrado em Turismo da Universidade de Caxias do Sul, na próxima quinta-feira (28/11). A professora irá falar sobre "El Patrimonio como factor estimulante de la economía local y regional ", a partir da 14 horas, na sala 410 do prédio 46. Czerny é geógrafa, especializada em Estudos Latino-Americanos, assim como Doutor Honoris Causa pela Universidad Nacional de San Agustín, em Arequipa, Peru.

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

140ª BANCA DE DEFESA DE DISSERTAÇÃO NO PPGTUR-UCS

Acontece nesta sexta-feira, dia 22 de novembro, a banca de defesa de dissertação de Maria Salete Goulart Martins Denicol, intitulada “A Educação Ambiental como objeto de estudos nos Programas Stricto Sensu em Turismo no Brasil (período 1997 – 2011)”. Orientada pela Profa. Dra. Suzana Maria De Conto, a banca será composta pelos professores Dr. Paulo dos Santos Pires (UNIVALI), Dra. Marlei Salete Mecca (UCS) e Dra. Rosane Maria Lanzer (UCS).

Trata-se da 140° Banca de Defesa de Dissertação do Programa de Pós-Graduação em Turismo, da Universidade de Caxias do Sul, ato que terá início às 14h, tendo por local a Sala 409 do Bloco 46, Cidade Universitária, Caxias do Sul


quarta-feira, 13 de novembro de 2013

PPGTUR-UCS NA SEMANA ACADÊMICA DO TURISMO-CARVI


Alunos e professores do Mestrado em Turismo, da Universidade de Caxias do Sul, participaram ativamente da Semana Acadêmica do Curso de Turismo, realizada entre os dias 5 e 7 de novembro, no Campus Universitário da Região dos Vinhedos. O objetivo do evento foi o de aproximar os alunos de temáticas emergentes e importantes do setor, como a Enogastronomia, a Gestão Ambiental e a Inclusão Social.
Dentro da programação, no dia 6, a professora Suzana Maria de Conto, do corpo permanente do PPGTUR, ministrou a palestra Gestão Ambiental no Turismo. No dia 7, alunos do Mestrado, acompanhados das professoras Luciene Jung de Campos e Susana Gastal, assistiram a palestra Turismo na Favela Santa Marta, Rio de Janeiro/RJ, ministrada por Gilson da Silva, que é guia de Turismo MTur, morador da Favela Santa Marta e proprietário da empresa Scene, que desenvolve roteiros de visitação nesta comunidade pacificada do Rio de Janeiro

Veja mais:




segunda-feira, 11 de novembro de 2013

SEMINTUR JR: GRANDE SUCESSO

O IV Encontro Semintur Jr foi um sucesso.
A abertura oficial contou com presença do Pró-Reitor, professor Koche, seguida de palestra proferida pelo Prof. Dr. Rafael dos Santos. As duas oficinas, coordenadas pelos professores Silvio Viana e Maria Luiza Cardinale, foram elogiadíssimas. Também as salas de apresentação de trabalho estiveram lotadas.
Parabéns aos alunos do Mestrado em Turismo da UCS, principais responsáveis pela organização do evento.
Confira alguns desses momentos especiais, nas fotos abaixo e prepare-se para 2014!.

















quinta-feira, 7 de novembro de 2013

PPGUTUR-UCS ABRE IV SEMINTUR JR

Acontece amanhã, o IV Encontro Semintur Jr.
O evento acadêmico, coordenado pelo Programa de Pós-Graduação em Turismo da UCS, propõe-se como espaço qualificado para apresentação e discussão da produção de pesquisa realizada nos cursos de graduação, em especial nos TCCs e Iniciação Cientifica, incentivando a produção teórica e a investigação entre os graduandos. Adequando-se a dinamicidade dos jovens, o evento é organizado na forma de Mesas Temáticas, e não a dos tradicionais grupos de trabalho, para dar maior dinamicidade aos trabalhos.
A programação desta sexta-feira, dia 8 de novembro, inicia às 9h, no Auditório do Bloco 46, Cidade Universitária, com palestra de abertura intitulada “A ciência como ofício, a pesquisa como paixão”, proferida pelo Prof. Dr. Rafael José dos Santos. Seguem-se duas oficinas:
- A Competitividade e a Sustentabilidade Das Destinações Turísticas
Ministrante: Professor Dr. Sílvio Luiz Gonçalves Vianna
- (Des) caminhos da viagem - espelho
Ministrante: Professora Maria Luiza Cardinale Baptista.
Confira a programação completa do IV Encontro Semintur Jr no blog



segunda-feira, 4 de novembro de 2013

TRÊS PROFESSORES DO PPGTUR-UCS CONTEMPLADOS PELO CNPq

Três professores do Mestrado em Turismo, da Universidade de Caxias do Sul, foram contemplados no Edital Universal 14/2013, do CNPq. Tratam-se dos professores Márcia Cappellano dos Santos, com o projeto Hospitalidade Coletiva e Desenvolvimento Turístico: A Experiência de Acolhimento e o Perfil de Comunidades Primariamente Acolhedoras; Maria Luiza Cardinale Baptista, com o projeto Desterritorialização Desejante em Turismo e Comunicação: Narrativas Especulares e de Autopoiese Inscriacional; e Susana Gastal, em parceria com o professor Antônio Carlos Castrogiovanni (UFRGS), com o projeto Jardim Botânico de Porto Alegre: Conduzindo Novos Olhares. Leia, a seguir, os resumos dos projetos contemplados:

HOSPITALIDADE COLETIVA E DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO: A EXPERIÊNCIA DE ACOLHIMENTO E O PERFIL DE COMUNIDADES PRIMARIAMENTE ACOLHEDORAS: Este projeto toma como pressuposto hospitalidade ou acolhimento (termos aqui empregados indistintamente) como fenômeno intrínseco e fundante do turismo, como interveniente importante no conjunto de fatores que concorrem para o sucesso ou o fracasso de ações que visam empreendê-lo, podendo ser examinado e compreendido no espaço e na dinâmica relacionais entre acolhedor e acolhido, nas perspectivas singular ou coletiva. Nessa direção, as noções de hospitalidade/acolhimento, no âmbito do presente estudo, não se circunscrevem ao conjunto de práticas sociais formais, próximas da comunicação técnica, profissional, ou a estruturas e serviços que asseguram o fluxo, a estada e o atendimento de demandas previamente estabelecidas de turistas e visitantes; elas envolvem dimensões específicas do turismo articuladas com esquemas conceituais de natureza filosófica e psicoantropológica. Em linhas gerais, o projeto busca traçar o perfil do Corpo coletivo acolhedor de Caxias do Sul, município localizado no centro da região turística da Serra Gaúcha/RS, segundo modelo teórico proposto por Santos, Perazzolo e Pereira (2012). Com inspiração no modelo sistêmico, a perspectiva coletiva do acolhimento é concebida a partir da metáfora do corpo, de um sistema complexo, integrado por sujeitos/grupos humanos, suas organizações (estrutura e funcionamento), seus valores, cultura e processos de transmissão. Epistemologicamente, o Corpo coletivo acolhedor, como foi denominado pelas autoras, considera o princípio de que os sistemas humanos são, por natureza, corpos acolhedores, ou não se transformariam. Nesse sentido, o termo “acolhedor” que complementa a ideia de um corpo coletivo apenas destaca que há diferenças no ritmo, nas características e nas formas pelas quais um espaço se caracteriza por sua maior ou menor capacidade de acolher e ser acolhido pelos sistemas externos que o circundam. Uma comunidade, um Corpo coletivo acolhedor, é um sistema semiaberto. Essa condição permite que, de um lado, elementos externos se introduzam em seu interior, fomentando a renovação, a adaptação e a mudança; de outro, contando com dispositivos que o mantêm suficientemente auto-organizado, possa resistir ao ingresso de elementos que coloquem em risco os cernes identitários, como num processo de defesa do próprio soma coletivo. Esse corpo coletivo que acolhe institui-se no espaço que se instala na delimitação interativa com e entre três vértices dimensionais: a) serviços (vértice no qual se estabelecem as relações de troca, a oferta e comercialização/disponibilização de produtos); b) gestão (vértice caracterizado pela forma como a comunidade tende a gerir os recursos de que dispõe, envolvendo dimensões estruturais, estéticas e ambientais do sistema coletivo; e c) cultura (vértice que abrange o cabedal de saberes e práticas inter e intrageracionais, expressas, em especial, no comportamento social e no espaço ocupado pela educação, pela arte e pela tradição). Considerados esses supostos teóricos, o projeto, como referido, propõe-se identificar traços que caracterizariam o perfil do corpo coletivo acolhedor de Caxias do Sul, considerando as perspectivas de uma comunidade que primariamente acolhe e dos sujeitos primariamente acolhidos na relação com os serviços disponibilizados, com a gestão das estruturas e do funcionamento social, e com a cultura legada e propagada entre seus membros. Para o estudo dessas dimensões, realizar-se-á o exame de percepções/representações de turistas e visitantes, através da análise e quantificação de elementos que se destacam de seu discurso, da natureza de sentimentos verbalizados, de pensamentos associados e comportamentos que narram a partir de sua experiência. Isso porque, numa leitura fenomênica da interação entre acolhedor e acolhido, o espaço vivido pelo turista difere, sempre em alguma medida, daquele construído e habitado pelo acolhedor, por razões que envolvem desde o cabedal particular de saberes que o turista carrega, até o núcleo do desejo acionador dos comportamentos que culminam na sua chegada. Por outro lado, as representações de um corpo social também se alteram na dinâmica mental do acolhedor. Com base nesse conjunto de referenciais teóricos, no objeto e objetivos da investigação, a eleição metodológica do projeto combinará as abordagens qualitativa e quantitativa de pesquisa, por meio da identificação, no discurso do acolhido, de características das diferentes dimensões do corpo coletivo e do registro e da quantificação das incidências de respostas, ou de unidades ideativas a serem constituídas sob forma de categorias, viabilizando estimativas estatísticas, probabilidades, a partir da constituição de amostras.
DESTERRITORIALIZAÇÃO DESEJANTE EM TURISMO E COMUNICAÇÃO: Narrativas Especulares e de Autopoiese Inscriacional:  O presente projeto tem como objeto a desterritorialização desejante em Turismo e Comunicação, considerando narrativas especulares e de autopoiese inscriacional. Trata-se de uma proposta de estudo transdisciplinar, que se propõe a analisar o agenciamento e a potência do movimento desejante para o Turismo, considerando seu entrelaçamento com a Comunicação. Desejo, espelho e autopoiese inscriacional são eixos conceituais que correspondem a referenciais teóricos, que se cruzam, para tentar compreender a desterritorialização subjetiva no turismo, que marca a realidade caosmótica e complexa da contemporaneidade, do tempo das tribos. A dimensão inscriacional associada ao conceito de autopoiese, de Humberto Maturana, deriva de Tese de Doutoramento, apresentada na Universidade de São Paulo, quando a autora estudou os processos de escrita de jovem adultos, como expressão da subjetividade e do que chama de trama comunicacional, a trama de mídias. Trata-se de um neologismo, a partir da fusão entre inscrição, criação e ações que possibilitem a reinvenção de si mesmo, numa matriz analítica, segundo a qual é possível compreender, agora, ‘o sujeito em movimento’, nos movimentos da vida, das viagens turísticas, nos movimentos desejantes e comunicacionais, visando entender o que aciona esse motor pulsional desejante por viagens, que o coloca em movimento e garante investimentos de todos os tipos. Como foi ressaltado, em termos teóricos, a pesquisa é transdisciplinar, envolvendo, diretamente, as áreas de Turismo, Comunicação, Psicologia – em especial na perspectiva da Esquizoanálise e os Estudos de Subjetividade - mas também tendo como substrato outros territórios de saber imbricados na discussão aqui proposta. Vale ressaltar, nesse sentido, a perspectiva da Epistemologia da Ciência, no cenário de mutações, com autores como Edgar Morin, Boaventura Souza Santos e Michel Maffesoli; a visão da Biologia Amorosa e do Conhecimento, de Humberto Maturana; a perspectiva ecológica da Teia da Vida, de Fritjof Capra, e da Economia Ecológica, de Martinez-Allier. Vale ressaltar, ainda, que a questão das narrativas será trabalhada pelo viés do Jornalismo Literário Avançado, cujo principal representante é Edvaldo Pereira Lima. A lógica da ‘teia teórica’ é a do rizoma e da cartografia, coerente com um dos principais substratos teóricos da produção deste projeto, entre a Esquizoanálise e os Estudos de Subjetividade. Essas linhas vão se ramificando, se entrelaçando, para também permitir vislumbrar conexões. Trabalha-se, aqui, com pressupostos da visão sistêmica e de complexidade, sinalizando para a importância de acionar processos autopoiéticos e mobilizadores do sujeito do Turismo e da Comunicação. Do ponto de vista operacional, a metodologia envolverá dispositivos orientados pela visão qualitativa e cartográfica. Além do referencial teórico, pretende-se trabalhar com a pesquisa cartográfica e participante, buscando relatos escritos de sujeitos do Turismo e a correlação das suas ações com a Comunicação, na sua dimensão maquínico-midiática e interpessoal. A ideia é analisar as mobilizações desejantes, especulares e autopoiéticas inscriacionais, registradas nos próprios textos de narrativas de viagem dos turistas, bem como contrapô-los a reportagens turísticas que trazem pistas sobre os valores emocionais agregados aos lugares turísticos, aos territórios buscados por esses sujeitos. Os resultados tendem a ajudar a compreender: o que mobiliza os sujeitos para o Turismo? Como a Comunicação, na sua complexidade multimidiática e do processo comunicacional, em si, pode auxiliar, nesse sentido? Que pistas há nos relatos de viagem (nos textos verbais e visuais) e nas reportagens turísticas, que podem potencializar o turismo? Até que ponto é possível compreender Turismo e Comunicação, como acionamento de mobilizações desejantes, desterritorializantes e autopoiéticas?

JARDIM BOTÂNICO DE PORTO ALEGRE: CONDUZINDO NOVOS OLHARES: O presente projeto busca a elaboração de um projeto de intervenção no Jardim Botânico de Porto Alegre, que venha a qualificá-lo para que cumpra, com maior qualidade, suas funções precípuas, encaminhando um melhor relacionamento com a comunidade do entorno, com os frequentadores e com os turistas. Assim,  o projeto deseja tornar o Jardim Botânico de Porto Alegre, que é um local público, um espaço com maior número de oportunidades para que ocorra a interação entre o seu patrimônio e com os objetivos de seus visitantes. A construção de ofertas que incentivem a condução do olhar do visitante, seja turista ou aluno de escolas públicas ou privadas, também constituem objetivos deste projeto.






sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Bolsas Pós-Doutorado/CAPES: UCS seleciona doutores para atuar na área da pesquisa em Turismo.

A UCS foi contemplada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior - CAPES com uma cota de bolsas para doutores que desejem atuar, exclusivamente, em atividades de pesquisa vinculadas às linhas de pesquisa dos programas de pós-graduação stricto sensu da Instituição.
Com duração de 60 meses e um valor mensal de R$ 4,1 mil reais, as bolsas fazem parte do Programa Nacional de Pós-Doutorado - PNPD/CAPES, criado com os seguintes objetivos: 
*         promover a realização de estudos de alto nível; 
http://www.ucs.br/ucs/tplNoticias/noticias/1378324521/flecha.gif reforçar os grupos de pesquisa nacionais; 
http://www.ucs.br/ucs/tplNoticias/noticias/1378324521/flecha.gif renovar os quadros dos Programas de Pós-Graduação (PPG) nas instituições de ensino superior e de pesquisa; 
http://www.ucs.br/ucs/tplNoticias/noticias/1378324521/flecha.gif promover a inserção de pesquisadores brasileiros e estrangeiros em estágio pós-doutoral, estimulando sua integração com projetos de pesquisa desenvolvidos pelos Programas de Pós-Graduação no país.
Os interessados, na área de Turismo e afins, devem entrar em contato com a secretaria do PPGTur.

Programa de Pós-Graduação em Turismo

Secretaria: Regina de Azevedo Mantesso - mturismo@ucs.br - Telefone: (54) 3218-2621 - Campus Universitário de Caxias do Sul - Bloco 46 - sala 416